Texto da Leitora

Gratidão Independente

A gratidão faz parte da vida do servo de Deus. Primeiramente devemos ser gratos a Deus, em tudo, seja bom ou ruim, pois tudo está a serviço do nosso crescimento e desenvolvimento como indivíduos. A verdadeira gratidão se reflete, também, de outras maneiras. Por isso hoje quero ressaltar a gratidão entre os homens.

Disse Davi: Resta ainda alguém da casa de Saul, para que eu use de benevolência para com ele por amor de Jônatas? E havia um servo da casa de Saul, cujo nome era Ziba; e o chamaram à presença de Davi. perguntou-lhe o rei: Tu és Ziba? Respondeu ele: Teu servo! Prosseguiu o rei: Não há ainda alguém da casa de Saul para que eu possa usar com ele da benevolência de Deus? Então disse Ziba ao rei: Ainda há um filho de Jônatas, aleijado dos pés. Perguntou-lhe o rei: Onde está. Respondeu Ziba ao rei: Está em casa de Maquir, filho de Amiel, em Lo-Debar. Então mandou o rei Davi, e o tomou da casa de Maquir, filho de Amiel, em Lo-Debar. E Mefibosete, filho de Jônatas, filho de Saul, veio a Davi e, prostrando-se com o rosto em terra, lhe fez reverência. E disse Davi: Mefibosete! Respondeu ele: Eis aqui teu servo. Então lhe disse Davi: Não temas, porque de certo usarei contigo de benevolência por amor de Jônatas, teu pai, e te restituirei todas as terras de Saul, teu pai; e tu sempre comerás à minha mesa.” I Sm 9.1-13

Este texto nos relata a história de bondade e gratidão do Rei Davi. Ele colocou em seu coração fazer o bem (honrar) a família de Jônatas, filho de Saul. A amizade entre Jônatas e Davi é bem conhecida. Há inclusive uma aliança firmada entre eles (1 Sm 20.42,43). Quando então, Davi estava no apogeu de seu reino procurou saber se havia alguém da descendência de Jônatas. Davi não esqueceu de seu compromisso firmado com seu amigo,e demonstrou assim, ser um homem generoso e bondoso e grato. *Ele valorizou a amizade: Olhando para o texto de 1 Sm 9 percebemos a importância da amizade. Pv 17.17 diz: O amigo ama em todo o tempo; e para a angústia nasce o irmão. A amizade de Davi e Jônatas não ficou no esquecimento, ela gerou frutos. Como é maravilhoso ver que é possível existir amizades sinceras e sem outro interesse.

*Colhendo os frutos da generosidade: O Salmita falando acerca do homem temente a Deus diz: “Ele é sempre generoso, empresta, e a sua descendência é abençoada” (Sl 37.26). Precisamos saber que a semente plantada pelo generosos darão frutos para seus descendentes. Podemos então parafrasear Paulo: “aquele que semeia pouco generosidade, pouco colherá , porém, quem semeia em abundância em abundância colherá. (2 Co 9.6)

A gratidão não deve depender da atitude de terceiros, a verdadeira gratidão nos ensina a ser gentil com todos, não somente com um benfeitor. Li uma reportagem que saiu na gazeta do povo do dia 26 de novembro sobre os efeitos da gratidão na nossa vida. Pesquisas mostram que o sentimento de agradecimento nos traz benefícios psicológicos refletindo em benefícios físicos melhorando a qualidade do sono, diminuindo a ansiedade e trazendo otimismo para enfrentar problemas e doenças.

Escrevi este texto para cada uma de nós nos examinarmos, e vermos se estamos sendo verdadeiramente gratas a Deus e as pessoas. Não devemos lembrar de algum ingrato ou pensar quem não esta tendo gratidão para conosco, a gratidão deve ser independente, ou seja não deve ser dependente de uma atitude do outro, e sim  tem que vir de nós, em todas as circunstancias e acontecimentos da nossa vida. Devemos agradecer cada gesto gentil ou generoso, e expressar nossa admiração pelas habilidades ou talentos alheios.

Uma boa atitude, aqui citada como a gratidão, traz uma reação em cadeia incrível, quando nós emitimos um gesto de gratidão para com o outro, estaremos despertando nele uma vontade interna de ser grato com outro. Enquanto nossos corações não forem cheios de perdão e bondade não teremos condições de fazer o bem. Ef 4.32¨ Antes, sede uns para com os outros benignos, misericordiosos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo.¨

¨E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido” Gl 6.9

 Meu nome é Juliane, tenho 25 anos, nasci em Curitiba, sou casada a cinco anos com o Milton, o primeiro presente que Deus me deu, por que o segundo foi a Sophia nossa filha que esta com 1 ano e 10 meses. A serviço do Senhor, totalmente dependente Dele.

Você poderá gostar também de:

Anúncios

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s