Reunião escolar? Tô fora!!!

Bom, pelo menos era assim que eu pensava antigamente. Algum tempo atrás, ao verificar a agenda escolar de minha fílha, vi que lá estava marcada mais uma reunião pedagógica de pais e professores. Automaticamente pensei: mais uma tarde perdida. São tantas coisas pra fazer… casa pra arrumar, louças pra lavar, roupas pra passar e agora lá vou eu pra escola, escutar tudo aquilo que eu já havia escutado anteriormente, ou coisas que eu imaginava já saber. Mas será que sabia mesmo????

Já na reunião, a diretora começou incentivando os pais a apoiarem os seus filhos, ela falava das necessidadees da presença deles juntos aos filhos. Mesmo sabendo que a maioria dos pais e mães trabalhava fora, ela tinha convicção da necessidade dos pais acharem tempo para seus filhos. Tudo aquilo parecia natural para mim.

Foi quando eu avistei a Flavinha minha filha me espiando… com um olhar meigo e feliz. Orgulhosa, ela compartilhava com os coleguinhas a presença da mãe. Eu realmente fui surpreendida com aquela imagem. Eu pensei … quase perdi essa cena. Neste momento fui tomada por um sentimento de gratidão misturado com uma pitada de culpa. Agradeci a Deus por não ter frustrado minha filha. Todas nós sabemos da importância que os filhos tem, que são nossa herança do Senhor para nossas vidas, nós os amamos incondicionalmente, nos doamos e nos damos a eles quantas vezes for preciso. Então porque as vezes não damos importância para aquilo que para eles é importante? Fica um alerta.

Somos um espelho para nossos filhos, o futuro deles estão nas mãos de Deus, mas nós podemos ajudá-los a encontrar este caminho, ou o melhor caminho. Priorize sua familia, seja exemplo mesmo quando ninguém está te observando. Priorize tudo aquilo que é importante para seus filhos, seja cúmplice deles. Mesmo quando for uma simples reclamação, ou um arranhão, ciúmes do irmão ou medo do escuro.

Instale a comunicação entre vocês. Coloque limites, puna quando for necessário, mas nunca esqueça de falar o por que está agindo assim, o erro que ele cometeu. Lembre-se : uma criança às vezes não consegue entender certas palavras, mas sabe plenamente registrar e gravar um gesto de amor. E o mais importante, agradeça sempre ao Senhor pelo privilégio de ser mãe. Essa foi mais uma conversa de amigas.

um beijo a todas.

Você poderá gostar também de:

Com quem será que meu filho vai casar?

Perdoar vale muito à pena!

A esposa ideal

Anúncios

Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s